quinta-feira, 10 de setembro de 2009

Blogagem coletiva Setembro:O Vencedor

Dez da noite e espero em vão a minha hora de partida.A minha busca.A minha corrida louca.Eu e mais uns não sei quantos milhões de irmãos esperamos a nossa vez de mergulhar no escuro.Em busca dum outro gâmeta, mas feminino Hà dois dias atrás,houve também grande azáfama por estes lados,mas atrasei-me.Fiquei para aqui neste saco ,escondido.Vamos a ver se será hoje.Tenho fé.Passa algum tempo e quase adormeço,já desiludido com a espera por não poder trabalhar. De repente, Zás!! Aí está.O meu dono parece que se resolveu libertar-nos e fazer-nos correr.Há uma grande sofreguidão para escapar deste testículo enorme e correr por um tubo de nem sei quantos cms.Para aí vinte ou coisa asssim.Até nos libertar-nos.Sei que vai ser uma luta heróica para vencer todos os meus adversários e irmãos ao mesmo tempo. Mas paciência.Só um será o eleito.O VENCEDOR A temperatura aumenta de repente.Os movimentos aceleram. Bolas!!! Não empurrem.Grito para os meus vizinhos.Esperem que ele nos liberte.De repente ...Tumba.Aí está.Fomos todos sacudidos e empurrados para este tunel imenso que é o canal espermático Toca a correr A nadar.A dar ao rabiosque que se faz tarde.Já lá vamos Ena pá que velocidade .Saímos dum tubinho e estamos agora numa gruta escura e húmida.Mas sabemos bem o que fazer Toca a nadar.Vai de abanar a cauda.A cabeça sempre em força empurrando.Explorando à espera de ver uma luz ao fundo desta caverna.Olho para o lado,para a frente e para trás.Somos milhões,mas quero ser o primeiro.O único.Mais nada.Uns atrasam-se.Outros falecem.Não aguentam o afã da corrida. Passam algumas horas e já quando começo a esmorecer,que vejo???Está lá!!!É um óvulo!!!É aquele que me espera.Renovo a vontade.Restauro a força.Aí vou eu.Sacudindo a cauda.Olhos postos naquele pedaço que me espera.Vai Vencedor!!!Está quase. Chego lá.Estão mais de cem já a tentar a perfuração.Mas trago em mim a força dos meus antepassados .Vai agora .mais um esforço.Vrummm.Vrummm.Bolas que a crosta é rija.Estou quase em desespero.Está aqui um ao lado prestes a vencer-me.Não pode ser.Vai vai ...Yupi .Aí está .Cabeça penetrada.Agora és tu Ó gâmeta feminino.Leva-me para o teu seio.Fecha a porta e apaga as luzes.Ninguém mais nos vai incomodar. Exausto adormeço naquele meio delicioso que comigo vai fazer vida Ah ,valeu a pena...E adormeço. Passam horas,acordo e já não sou um espermatozóide.Juntamente com o óvulo que fecundei ,um embrião.Agora são mais 9 meses a trabalhar para dar alegria ao meu ex dono e à minha nova hospedeira Então até à maternidade Beijinhos do VENCEDOR

5 comentários:

Susana Garcia disse...

lool gostei do texto ,que grande sonho que tiveste,muito animado.Então o espermatozóide escolhido e vencedor,adormeceu num sitio assim mais escondido,dentro do seu dono lolol,e acordou pelo que leio bem melhor,onde queria estar claro.
Acho que está muito engraçado ahah!!!.

IdoMind disse...

É isto que eu amo no mundo - há sempre pessoas capazes de um nada fazer tudo. Parabéns pela história.Excelente ideia.

Outra vencedora

Margarida Piloto Garcia disse...

Quando a imaginação é soberana e se une ao dom da escrita, podemos obter uma sensacional postagem como esta.Parabéns.

Susana Garcia disse...

ia dizer mais uma coisa,acho que esse teu texto também revela como és,assim lutador e ágil e vencedor tal como esse espermatozóide,tantos ficam para trás mas só vence o mais forte.Está muito fixe,foi uma ideia mesmo muito original.Também já escrevi o meu texto desta blogagem mas o teu é mais cómico apesar de transmitir uma mensagem que todos deviam seguir.
beijinhos

angela disse...

Criativo e bem humorado seu texto.
Gostei muito e diverti-me mais ainda com o esforço do "".
beijos